FITORREMEDIAÇÃO.docx - FITORREMEDIAO O processo de...

This preview shows 1 out of 2 pages.

FITORREMEDIAÇÃO O processo de fitorremediação é muito utilizada como tecnologia complementar para o traimento de áreas onde são destinados os resíduos sólidos urbanos. A fitorremediação ( fito = planta e remediação = corrigir), conhecida desde 1991, é a tecnologia que utiliza plantas para degradar, extrair, conter ou imobilizar contaminantes do solo e da água. As pesquisas nessa área procuram compreender a interação da planta com o contaminante (EPA, 2000). Segundo Al- Taisan (2009), algumas espécies de gêneros como Phragmites, Tamarix , Nicotiana, Helianthus, Salix, Typha, Arabis são citadas para serem utilizadas na fitorremediação. Sempre que há a comparação de técnicas convencionais como bombeamento e tratamento ou remoção física da camada contaminada, a fitorremediação vem apresentando-se vantajosamente devido a sua alta eficiência na descontaminação e pelo baixo custo (CUNNINGHAM et al., 1996). Esta técnica é dividida em outras, com finalidades mais específicas: Fitoextração: Uso de plantas para remoção de metais dos solos mediante absorção pelas raízes, transporte e concentração na biomassa da parte aérea (SILVA; SANTOS; GOMES, 2014) ; Fitoestabilização: Uso de plantas para minimizar a mobilidade de metais em solos contaminados mediante a acumulação nas raízes ou precipitação na rizosfera (SILVA; SANTOS; GOMES, 2014) ; Fitovolatilização: Baseado na capacidade das plantas volatilizar metais do solo, aplicável, por exemplo, a Se e Hg (SILVA; SANTOS; GOMES, 2014) . A efetividade do processo de fitorremediação está relacionado com a capacidade metabólica da planta em bioacumular os metais das superfícies das partículas do solo e da solubilidade desses metais. Todavia, os metais podem ser solubilizados pela adição de agentes complexantes,
Image of page 1

Subscribe to view the full document.

Image of page 2
You've reached the end of this preview.
  • Fall '15
  • Rojas
  • SILVA; SANTOS; GOMES, using phragmites australis, Promises and prospects, distribution between contaminated, Felippe George Gatti

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern