ESAF_FP_2.pdf - Conceitos Básicos – Parte II C Alexandre...

This preview shows page 1 - 10 out of 96 pages.

Conceitos Básicos – Parte II C. Alexandre A. Rocha Consultor Legislativo – Senado Federal ESAF - Pós-Graduação em Finanças Públicas - 2010/2011 [email protected]
Image of page 1

Subscribe to view the full document.

Introdução Participação do Estado na economia é necessária Pré-condição para funcionamento de mercados Equidade Correção de falhas do mercado Impactos microeconômicos Pode também haver falhas de mercado ou institucionais com forte impacto macroeconômico. Grande Depressão pode ser a evidência mais forte Recentemente, a crise financeira internacional mostrou a necessidade de regulação do sistema financeiro
Image of page 2
Introdução Mas há falhas de governo... Em qualquer caso, há consenso de necessidade de Estado. Mas não há consenso em relação ao tamanho do Estado. Economistas mais estatizantes vêem falhas de mercado como mais problemáticas. Economistas mais liberais acreditam que as falhas de governo são mais relevantes.
Image of page 3

Subscribe to view the full document.

Introdução – Plano de Aula Efeitos macroeconômicos dos gastos públicos Conceitos contábeis Sustentabilidade da dívida pública – conceito econômico Interrelação entre variáveis contábeis e econômicas Sustentabilidade da dívida pública brasileira nos anos 2000
Image of page 4
Introdução – Plano de Aula Situação recente dos gastos públicos no Brasil e perspectivas Política monetária Regime de metas de inflação Proposta de reduzir os juros para, com o valor economizado, aumentar os gastos públicos. Composição dos gastos Receitas vinculadas e obrigatórias Transferências constitucionais
Image of page 5

Subscribe to view the full document.

Gastos públicos e contas nacionais A demanda de uma economia é sintetizada pela soma dos seguintes componentes: Em equilíbrio, a oferta tem de ser igual à demanda, o que significa: t t t t t d t M X I G C Y + + + t t t t t d t s t M X I G C Y Y Y + + + = = =
Image of page 6
Gastos públicos e contas nacionais O governo pode interferir aumentando a renda (ou produto) de equilíbrio dessa economia? A resposta depende da formação do economista Neoclássicos: não Keynesianos: sim Novos clássicos: sim, porém não é bom para a sociedade Essas teorias estão mais preocupadas com o efeito dos gastos no ciclo econômico, ignorando, de certa forma, os aspectos microeconômicos vistos anteriormente.
Image of page 7

Subscribe to view the full document.

Gastos públicos e renda: neoclássicos Se não houver nenhuma restrição, a economia sempre opera em pleno emprego. Equivalente a operar na fronteira de produção. A competição por recursos em determinado período faz com que o preço do consumo daquele período aumente. Mas o preço de consumir hoje nada mais é do que a taxa de juros.
Image of page 8
Gastos públicos e renda: neoclássicos Os juros irão subir o suficiente para desestimular os investimentos e consumo do setor privado. A queda na demanda privada será exatamente igual ao aumento da demanda do governo.
Image of page 9

Subscribe to view the full document.

Image of page 10
  • Fall '18
  • Olinda Silva
  • inflação, Economista, Banco Central do Brasil, Investimento

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern