Aula 05 - CLP - Controladores Lgicos Programveis 1 Introduo...

Info iconThis preview shows pages 1–4. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
Engenharia de Controle Prof. Jose Luiz F. Barbosa 1 Controladores Lógicos Programáveis 1 – Introdução O Controlador Lógico Programável é uma conquista da moderna tecnologia pa- ra sistema de automação. A viabilidade e facilidade para os projetos trouxe uma realidade diferente para as indústrias com produtos mais confiáveis e com qualidade. O intuito inicial era a substituição dos painéis de relés no controle discreto, daí o nome de Controladores Lógicos Programáveis - CLP (Programmable Logic Con- trollers - PLC). Porém, atualmente, os controladores são bem mais complexos e não executam somente lógica do tipo E e OU, motivo pelo qual passaram a ser chamados apenas de Controladores Programáveis - CP. 1.1 – Histórico O 1º CLP foi desenvolvido em 1968 por um grupo de engenheiros da GM, quando a empresa procurava um substituto para os caros controladores a relé. O novo sistema de controle deveria atender às seguintes necessidades: • ser de fácil programação; • possibilitar alterações do programa sem mexer no sistema (sem modificação interna de fios); • ser menor, mais barato e mais seguro que os controladores a relé até então u- tilizados; • ter manutenção fácil e barata.
Background image of page 1

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
Engenharia de Controle Prof. Jose Luiz F. Barbosa 2 Há 15 anos, ainda eram considerados utópicos a visualização de processos, o processamento analógico de valores ou até mesmo a uso de CLPs como reguladores. No final dos anos 70, as entradas e saídas binárias foram finalmente ampliadas e tornaram-se entradas e saídas analógicas, uma vez que várias aplicações técnicas exigem hoje em dia processamento analógico (medição de força, ajustes de velocida- de, sistemas de posicionamento servo-pneumático). A expansão de memória permitiu um programa de aplicação maior e uma maior quantidade de dados de forma que os programas de controle não ficassem restritos à lógica e seqüenciamento, mas também realizassem aquisição e manipulação de da- dos. Os custos com fiação foram reduzidos significativamente com a capacidade do controlador de comunicar-se com subsistemas de entrada/saída localizados em pontos remotos, distante da unidade central de processamento e perto do equipamento a ser controlado. Ao invés de trazer centenas de fios para o armário do CP, os sinais dos subsis- temas podem ser multiplexados e transmitidos por um único par de fios trançados. Esta técnica permitiu a decomposição de grandes sistemas em pequenos subsistemas melhorando a confiabilidade, manutenção e partida gradual dos subsis- temas principais. Em 1979 foi desenvolvida a rede de comunicação de alta velocidade (Data Hi- ghways - no jargão dos fabricantes da época) permitindo um controle sincronizado entre vários controladores, comunicação com microcomputadores e outros sistemas situados em um nível funcional superior.
Background image of page 2
Engenharia de Controle Prof. Jose Luiz F. Barbosa 3 Com isto foi possível combinar o desempenho do controlador programável com
Background image of page 3

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
Image of page 4
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Page1 / 18

Aula 05 - CLP - Controladores Lgicos Programveis 1 Introduo...

This preview shows document pages 1 - 4. Sign up to view the full document.

View Full Document Right Arrow Icon
Ask a homework question - tutors are online