[Psicologia] Ana Beatriz B. Silva - Mentes Inquietas-TDAH.pdf - MENTES INQUIETAS ANA BEATRIZ B SILVA http\/groups.google.com\/group\/digitalsource

[Psicologia] Ana Beatriz B. Silva - Mentes Inquietas-TDAH.pdf

This preview shows page 1 - 4 out of 156 pages.

MENTES INQUIETAS ANA BEATRIZ B. SILVA
Image of page 1
Copyright © Ana Beatriz Barbosa Silva Todos os direitos desta edição são reservados à Editora Gente. Rua Pedro Soares de Almeida, 114 São Paulo, SP, CEP 05029-030 Telefax:(11)3670-2500 Site: E-mail: gente ©editoragente.com.br Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) Silva, Ana Beatriz B. Mentes inquietas: entendendo melhor o mundo das pessoas distraídas, impulsivas e hiperativas / Ana Beatriz B. Silva. - São Paulo : Editora Gente, 2003 ISBN 85-7312-406-7 1. Distúrbio de falta de atenção com hiperatividade I. Título CDD-618.928589 Digitalização: Vítor Chaves Correção: Marcilene Aparecida Alberton Ghisi Chaves ____________________________________________________________ AGRADECIMENTOS À memória de minhas avós que me fizeram acreditar nas pessoas ”do bem”. A meus pais por serem estas pessoas. Ao Dr, Bulhões de Carvalho, por sua sabedoria, sinceridade, estímulo e seu contagiante ”amor às letras”. À Débora, pela ajuda incalculável, dedicação, entusiasmo e amor ao estudo do ser humano. À Andréa, pela cumplicidade profissional, intelectual e principalmente fraternal. À Graça, pela presença e ajuda nos momentos finais. À Marcinha, pela dedicação e carinho. Ao Márcio Paschoal, pela ajuda em ”juntar tudo” — parecia impossível. Ao João e ao Marcelo, por serem tão especiais. Ao Guilherme, à Bia e ao Léo, pela inspiração e tolerância com minha ausência. Ao Dunga (Eduardo Mello), pela ajuda e por ser tão DDA assim... À Angela e ao Luciano, pela amizade e estímulo. Ao Eduardo, pelo amor incondicional.
Image of page 2
ÍNDICE PREFÁCIO 11 Capítulo 1: COMO DENOMINAR O DÉFICIT DE ATENÇÃO 16 a difícil arte do autoconhecimento... Capítulo 2: O QUE É O DDA? 20 um trio de respeito: distração, impulsividade e hiperatividade... Capítulo 3: MULHERES E DDA 38 um preço muito alto a ser pago e a via-crúcis antes do diagnóstico acertado: a rainha do lar em xeque... Capítulo 4: DDA E CRIANÇAS 52 a necessidade de se ajustar às regras: o bode expiatório da família... Capítulo 5: DDA E VIDA AFETIVA 72 os últimos românticos: emoção em excesso e escassez de razão... Capítulo 6: O QUE OS DDAs TÊM QUE OS OUTROS NÃO TÊM? idéias, sensações e emoções que não podem ser quantificadas: a questão da criatividade... Capítulo 7: POR ONDE O IMPULSO ME LEVAR... 106 os desbravadores, os acionistas, os artísticos e os performáticos... Capítulo 8: PERSONALIDADES COM SUPOSTO FUNCIONAMENTO DDA 114 de Einstein a Marlon Brando: um museu de grandes novidades... Capítulo 9: DDA E OUTROS TRANSTORNOS 124 desenvolvendo quadros associados: as parcerias nada recomendáveis... Capítulo 10: UMA RELAÇÃO EXPLOSIVA: DDA E DROGAS 144 perigos camuflados e atrações fatais... Capítulo 11: A DIFÍCIL TAREFA DE DORMIR BEM 160 aprendendo a relaxar um cérebro a mil por hora... Capítulo 12: UMA BREVE HISTÓRIA NO TEMPO 170 o longo processo de identificação do funcionamento DDA...
Image of page 3
Image of page 4

You've reached the end of your free preview.

Want to read all 156 pages?

  • Fall '17
  • M, RICHARS
  • São Paulo, Adulto, Cerebro, CONHECIMENTO, PERSONALIDADE, Pensamento

  • Left Quote Icon

    Student Picture

  • Left Quote Icon

    Student Picture

  • Left Quote Icon

    Student Picture

Stuck? We have tutors online 24/7 who can help you get unstuck.
A+ icon
Ask Expert Tutors You can ask You can ask You can ask (will expire )
Answers in as fast as 15 minutes