Fiesplegis_ambiental 2ed

Fiesplegis_ambiental 2ed - M i c r o e P e q u e n a s E m...

Info iconThis preview shows pages 1–5. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: M i c r o e P e q u e n a s E m p r e s a s n o E s t a d o d e S ã o P a u l o e a i l i l Micro e Pequenas Empresas no Estado de São Paulo e a Legislação Ambiental 5 Nestes últimos anos, à frente da Federação e Centro das Indústrias do Estado de S. Paulo, tenho testemunhado o esforço de nossos empresários para trans- formar seus empreendimentos industriais e avançar ainda mais em direção à tão almejada sustentabilidade sócio-ambiental. As nossas entidades têm buscado mobilizar todos os agentes que atuam no uni- verso das questões ambientais, buscando a sua plena compreensão das com- plexidades do setor industrial. Somente uma articulação desse tipo poderá as- segurar às gerações futuras tudo aquilo que, por antecipação, a elas devemos. As transformações geradas pela vertiginosa evolução tecnológica fazem-se rapidamente sentir no cotidiano das pessoas, mas poucos têm a percepção da ativa presença da indústria, nas tarefas mais rotineiras ou nas atividades mais complexas. É difícil – mas certamente possível resolver a aparente dicotomia entre produzir os bens destinados às necessidades humanas e confrontar os males da exploração dos recursos naturais do planeta. Felizmente, já estamos percebendo em São Paulo os resultados positivos desse trabalho solidário e pró-ativo que tem caracterizado a atuação de nossas enti- dades e de todos os seus parceiros – empresários, executivos, espetas, professores, membros de ONGs, funcionários do governo, promotores, juizes, parlamentares, jornalistas, entre muitos outros. Essa nova edição da Cartilha de Legislação Ambiental, editada pela Fiesp/Ciesp, é mais uma prova concreta da direção ética que nos propusemos nesse campo - cientes de nossos problemas e, ao mesmo tempo, também zelosos de nossas responsabilidades. Horacio Lafer Piva Presidente da Fiesp/Ciesp 7 A Fiesp/Ciesp, sabedora da dificuldade que o setor industrial enfrenta para entender e atender ao complexo sistema legislativo ambiental, solicitou ao es- critório Pinheiro Neto Advogados, há aproximadamente 03 anos, a elaboração de uma publicação, em linguagem acessível, que permitisse às indústrias, prin- cipalmente de micro e pequeno porte, se orientar no emaranhado da legislação vigente e suas implicações. O sucesso da publicação pudemos perceber pelo rápido esgotamento dos exemplares impressos e pela quantidade de downloads da publicação, disponível em nossa homepage, que já superou a marca de 100.000 exem- plares. Entendendo que, como representantes do setor industrial, devemos buscar junto aos legisladores uma adequação e racionalização no volume das leis ger- adas. Temos, mostrado sempre que a ocasião permite, que é praticamente im- possível acompanhar, conhecer e atender a todos os dispositivos legais pro- duzidos nas três esferas de governo, por vezes superveniente e conflitante....
View Full Document

This note was uploaded on 11/16/2010 for the course EM 23141 taught by Professor Faga during the Spring '09 term at Universidad Europea de Madrid.

Page1 / 50

Fiesplegis_ambiental 2ed - M i c r o e P e q u e n a s E m...

This preview shows document pages 1 - 5. Sign up to view the full document.

View Full Document Right Arrow Icon
Ask a homework question - tutors are online