{[ promptMessage ]}

Bookmark it

{[ promptMessage ]}

1a. Prova HPE 1 - UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE...

Info icon This preview shows pages 1–2. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA HISTÓRIA DO PENSAMENTO ECONÔMICO PROF. MARCELO DIAS CARCANHOLO ALUNO: FERNANDO GOMES DA MOTTA 1.a PROVA 1- O pensamento hegemônico em Economia costuma desqualificar a priori teorias mais críticas por considerá-las “ideológicas”. Discuta: a) as características da tradição positivista que embasa este tipo de visão; Primeiramente, antecipando a discussão, iremos assumir que "mais crítica" tem o significado de indiferente a preconceitos, convenções ou dogmas, tendo em vista algum juízo de valor. Assim sendo, para a tradição positivista as ciências sociais, assim como as naturais, devem privilegiar, e é importante ressaltar que não se resumem a isso, a observação e constatação empírica para derivar a explicação casual dos fenômenos sociais. De fato, o método científico na visão positivista deve proceder de uma maneira neutra, sem julgamento de valores e sem ideologias (interpretada aqui como pré- concepção social). Nesse sentido, o positivismo afirma, em síntese, que é possível ser objetivo nas ciências sociais, pois suas leis se comportam da mesma maneira que as leis naturais. Ou seja, têm um comportamento não histórico, invariável, portanto regular e replicável de alguma forma. Assim sendo, os métodos de pesquisas utilizados nas ciências naturais devem ser aplicados nas ciências sociais. O positivismo postula ainda que, no limite, não existe diferenças entre as leis sociais e naturais, que ambos são universais, recorrentes e permitem a partir das observações empíricas definirem fatos estilizados. Além disso, conclui que quem não age dessa maneira ao fazer ciência, na verdade utiliza métodos não científicos. b) a noção de “ideologia” implícita nesse tipo de concepção; Existem, segundo Eagleton (1997), existem diversas interpretações sobre a noção de ideologia, visto que " ninguém propôs uma definição única e adequada sobre o que é [...] . Entretanto, podemos professar que a "ideologia" citada na afirmação pode ser classificada como o processo pelo qual a interpretação de mundo socialmente criada, própria dos indivíduos, é considerada verdade, embora seja criada por crenças e opiniões presentes no campo da epistemologia. Ou seja, o individuo está considerando uma questão de maneira tendenciosa com base em uma estrutura rígida de um pensamento pré-concebido. Ou seja, agindo com "ideologia" a objetividade esperada pelos positivistas no estudo científico é comprometida, além disso, a importância da observação empírica proposta pode ser "contaminada" de maneira a apresentar interpretações guiadas pela visão social de mundo própria do pesquisador. O proceder científico, para os positivistas, portanto deve ser neutro de juízo de valor, a "ideologia" traria um viés ao estudo de maneira a trazer resultados "impuros", isto é, com resquícios de opiniões e crenças pessoais.
Image of page 1

Info icon This preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full Document Right Arrow Icon
Image of page 2
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern