Anatomia - nocoes gerais de ANATOMIA n 1 Ossos 1 O osso ou...

Info iconThis preview shows pages 1–2. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: nocoes gerais de ANATOMIA n 1. Ossos 1 O osso, ou tecido ¢sseo, Æ uma forma r¡gida de tecido conectivo que forma a maior parte do esqueleto. O sistema esquel&tico ou esqueleto (G. seco) do adulto consiste em mais de 200 ossos que constituem a estrutura de sustenta£Æo do corpo. Algumas cartilagens tamb¤m sÆo inclu¡das no sistema esquel&tico ( p. ex., as cartilagens costais que unem as extremidades anteriores das costelas ao esterno). As liga£äes entre os componentes do esqueleto sÆo denominadas articula£äes; a maioria delas permite movimento. O sistema esquelXtico consiste em duas partes principais; (1) o esqueleto axial, composto do crjnio, coluna vertebral, esterno e costelas e (2) o esqueleto apendicular, formado pelos c¡ngulos peitoral e pGlvico e ossos dos membros. O estudo dos ossos £ denominado osteologia. Embora os ossos estudados no laborat¢rio sejam sem vida e secos, devido a remo¥Æo das suas prote¡nas, os ossos sÆo ¢rgÆos vivos no corpo que mudam consideravelmente ... medida que se envelhece. A exemplo de outros ¢rgÆos, os ossos possuem vasos sangu¡neos, vasos linf ticos e nervos e podem ser comprometidos por doen£as. Osteomielite £ uma inflama£Æo da medula ¢ssea e osso adjacente. Quando quebrado ou fraturado, o osso cicatriza. Ossos nÆo usados, p. ex. num membro paralisado, sofrem atrofia (isto S, tornam-se mais finos e mais fracos). O osso pode ser absorvido, como ocorre ap¢s a perda ou extrajÆo de dentes. Os ossos tamb¦m sofrem hipertrofia (ou seja, tornam-se mais espessos e fortes) quando t£m um maior peso para sustentar. Ossos de pessoas diferentes exibem variaGäes anat"micas. Variam de acordo com a idade, sexo, caracter¡sticas f¡sicas, sa§de, dieta, raGa e com diferentes condi£äes gen£ticas e endocrinol¢gicas. As varia¨äes anat"micas sÆo proveitosas na identificajÆo de restos esquel£ticos, um aspecto da medicina forense ( a rela£Æo e aplica©Æo de fatos m£dicos aos problemas legais). Os ossos vivos sÆo tecidos amold veis que cont£m componentes orgànicos e inorg£nicos. Consistem essencialmente em material intercelular impregnado de substjncias minerais, principalmente fosfato de c lcio hidratado, isto £, Ca3 (PO4)2. As fibras col genas no material intercelular conferem aos ossos elasticidade e resistªncia, enquanto os cristais de sais na forma de tubos e bastäes lhe conferem dureza e alguma rigidez. Quando um osso 1 descalcificado no laborat¢rio por submersÆo, por alguns dias, em cido dilu¡do, seus sais sÆo removidos, por£m o material org“nico permanece. O osso ret£m sua forma, mas est tÆo flex¡vel que se pode dar um n¢. Um osso calcinado tamb£m ret(m sua forma, mas seu tecido fibroso ¦ destru¡do. Em consequjncia, torna-se quebradijo, inel stico e esmigalha-se facilmente....
View Full Document

Page1 / 9

Anatomia - nocoes gerais de ANATOMIA n 1 Ossos 1 O osso ou...

This preview shows document pages 1 - 2. Sign up to view the full document.

View Full Document Right Arrow Icon
Ask a homework question - tutors are online