Escolha de Bombas Centrífugas

Escolha de Bombas Centrífugas - ESCOLHA DE...

Info iconThis preview shows pages 1–4. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
ESCOLHA DE BOMBAS CENTRÍFUGAS Carlos Rogério de Mello 1 Tadayuki Yanagi Jr. 2 1. Introdução Com a evolução dos processos produtivos agrícolas, demonstrada principalmente pela presença cada vez maior da irrigação e a crescente de- manda por água, acompanhada pela sua escassez (distâncias cada vez maio- res), há necessidade de projetar instalações que possam proporcionar forne- cimento de água com maior rapidez e eficiência. Sendo assim, a presença de bombas hidráulicas num projeto de irrigação ou abastecimento de água para pequenas comunidades, é de suma importância, e o conhecimento das partes fundamentais ao seu bom funcionamento merece a devida atenção e cuidado. Bombas hidráulicas são máquinas de fluxo, cuja função é fornecer energia para a água, a fim de recalcá-la (elevá-la), através da conversão de energia mecânica de seu rotor proveniente de um motor a combustão ou de um motor elétrico. Desta forma, as bombas hidráulicas são tidas como má- quinas hidráulicas geradoras. O objetivo deste trabalho é transmitir aos profissionais da área agrí- cola algum conhecimento básico e prático sobre instalações elevatórias, pos- sibilitando, desta forma, o acompanhamento e/ou desenvolvimento de pro- jetos simples e eficientes de bombeamento, que é algo extremamente impor- tante dentro da hidráulica agrícola, mas que pode se tornar penoso, caso não seja bem estruturado. 1. Engenheiro Agrícola, R. Cristiano Silva, 140. Lavras, MG, 37.200-000. 2. Eng. Agríc., M.Sc., Professor do Departamento de Ciências Exatas da UNIVER- SIDADE FEDERAL DE LAVRAS. Caixa Postal 37, Campus Universitário, La- vras, MG, 37.200-000.
Background image of page 1

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
6 2. Partes Principais de uma Instalação de Bombeamento A Figura 1 ilustra as partes principais de uma instalação de bombeamento Legenda: 1- Casa de Bombas RE - Redução Excêntrica M – Motor de acionamento CL - Curva de 90 o B – Bomba 4 - Linha de Recalque 2 – Poço (fonte) VR - Válvula de retenção 3 – Linha de Sucção R - Registro VPC - Válvula de pé com crivo C - Joelhos 5 - Reservatório FIGURA 1 - Representação das partes de uma instalação.
Background image of page 2
7 3. Classificações mais importantes de Bombas Hidráulicas 3.1. Quanto à trajetória do fluido a) Bombas radiais ou centrífugas: sua característica básica é trabalhar com pequenas vazões a grandes alturas, com predominância de força centrífu- ga; são as mais utilizadas atualmente. b) Bombas axiais: trabalha com grandes vazões a pequenas alturas. c) Bombas diagonais ou de fluxo misto: caracterizam-se pelo recalque de médias vazões a médias alturas, sendo um tipo combinado das duas ante- riores. 3.2. Quanto ao posicionamento do eixo a) Bomba de eixo vertical: utilizada em poços subterrâneos profundos. b) Bomba de eixo horizontal: é o tipo construtivo mais usado.
Background image of page 3

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
Image of page 4
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

This note was uploaded on 09/08/2011 for the course ENGENHARIA 25 taught by Professor Dian during the Spring '11 term at UFSCar.

Page1 / 23

Escolha de Bombas Centrífugas - ESCOLHA DE...

This preview shows document pages 1 - 4. Sign up to view the full document.

View Full Document Right Arrow Icon
Ask a homework question - tutors are online