Resumo Cap 8 (Clegg) - CAPTULO 8: Administrao do...

Info iconThis preview shows pages 1–3. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
CAPÍTULO 8: Administração do conhecimento e da aprendizagem. Conhecimento, gestão de conhecimento e aprendizagem organizacional são os conceitos principais para o entendimento deste capítulo. Conhecimento: estoque de idéias, significados e entendimentos que são adquiridos a partir da experiência ou educação; Gestão de conhecimento: gerenciamento do conhecimento de modo a satisfazer as necessidades existentes – saber como e por quê; Aprendizagem organizacional: acúmulo de conhecimento dos membros da organização compartilhado e codificados pela empresa. GESTÃO DO CONHECIMENTO: Fontes de conhecimento: O conhecimento pode vim de instituições de ensino, mas não é a única. Existem 3 fontes importantes: 1. Apender fazendo: a prática leva a perfeição. Neste caso a prática leva ao conhecimento sobre um processo. Um ponto negativo deste método é o número de erros necessários para se chegar ao conhecimento em si. Imagine se todo administrador tivesse que administrar para se tornar um administrador. Quantos negócios faliriam? 2. Ouvir história: aprende-se tudo sobre o seu trabalho pelas histórias contadas na organização. São relatos de experiências passadas. 3. Ser exposto às histórias populares: histórias impressas e comunicadas por seminários. Grandes feitos de gestores que são contados com frequência. Tipos de conhecimento: Conhecimento tácito consiste em crenças pessoais, valores e perspectivas que indivíduos tomam como certo. São difíceis de comunicar. Conhecimento explícito consiste no conhecimento formalizado. Exemplo: formação em administração pela FGV diploma. 4 movimentos que criam o conhecimento: 1. Socialização: aprender códigos de conduta e regras de comportamento de maneira implícita. Conhecimento quase invisível e difícil de ser controlado pela organização. (movimento de TÁCITO para TÁCITO) 2. Combinação: troca de conhecimento numa conversa. Na organização as alianças onde os conhecimentos são compartilhados. (movimento de EXPLÍCITO para EXPLÍCITO)
Background image of page 1

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full DocumentRight Arrow Icon
3. Internalização: aprende uma vez e vira padrão. Esquece o que tinha aprendido e toma o novo conhecimento como certo. Exemplo: cultura norte americana de trabalho e a cultura europeia de trabalho. (movimento explícito para tácito) 4. Articulação: por meio de articulação e compartilhamento novos conhecimentos se tornam acessíveis e parte de seus processos formais. (movimento TÁCITO para EXPLÍCITO) Conhecimento tácito vem se tornando cada vez mais importante para o processo de inovação. Ou seja, a bagagem pessoal é algo valorizado pelas empresas de forma que elas tentam utilizar este conhecimento pessoal na organização a fim de inovar aprendizagem organizacional. Aprendizagem organizacional:
Background image of page 2
Image of page 3
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

This document was uploaded on 10/26/2011 for the course IMQ 122 at Pontifical Catholic University of Rio de Janeiro.

Page1 / 6

Resumo Cap 8 (Clegg) - CAPTULO 8: Administrao do...

This preview shows document pages 1 - 3. Sign up to view the full document.

View Full Document Right Arrow Icon
Ask a homework question - tutors are online