Do conjunto de aces a desenvolver em 2010 destacam se

Info iconThis preview shows page 1. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: quais, cerca de 60% dos investimentos serão de requalificação e modernização de vias rodoviárias existentes de ligação entre capitais de distrito do interior do País, sem perfil de auto-estrada. Sector Ferroviário No final de 2009, encontravam-se em operação duas concessões ferroviárias: Quadro III.66. Concessões Ferroviárias Contratadas (Milhões de euros) PPP Ferroviárias (2) Ano Prazo 269 2001 30 900 1999 11 Investimento Metro Sul Tejo Transp. Ferroviário eixo-norte/sul Legenda: (2) Investimento global inclui no caso do eixo - norte/sul investimentos da REFER. Fonte: IMTT. O sector ferroviário tem como desafio fundamental, nos próximos anos, o desenvolvimento da futura Rede de Alta Velocidade, peça integrante da Rede Transeuropeia de Transporte Ferroviário, incluindo os eixos Lisboa – Madrid, Lisboa - Porto e Porto – Vigo. Em 2008, foi lançado o concurso para o troço Poceirão – Caia do eixo Lisboa – Madrid (PPP1), actualmente em fase de assinatura do contrato. Entretanto, encontra-se ainda em fase final de avaliação das propostas a 1.ª fase do concurso referente ao segundo troço Lisboa-Poceirão do eixo Lisboa – Madrid (PPP2), incluindo a terceira travessia sobre o Tejo. Quadro III.67. Projectos Ferroviários em Concurso (Milhões de euros) PPP Ferroviárias Investimento * Prazo Fase Alta Velocidade Ferroviária - PPP1 1.359 40 Em fase de assinatura do contrato Alta Velocidade Ferroviária - PPP2 1.890 40 Avaliação de propostas Legenda: (*) Investimento estimado. Fonte: RAVE. Relativamente aos encargos a suportar futuramente pelo Estado com as concessões ferroviárias, prevêse um acréscimo de 61% em 2010 face a 2009, decorrente essencialmente dos encargos associados à PPP2, em fase de concurso. Por outro lado, verificar-se-á um decréscimo nas PPP em exploração de cerca de 70% face ao valor registado em 2009, pelo facto de, nesse ano, ter sido regularizado com a Concessionária Metro Sul do Tejo o reequilíbrio financeiro que se encontrava pende...
View Full Document

Ask a homework question - tutors are online