Fonte ine inqurito trimestral ao emprego ao longo dos

Info iconThis preview shows page 1. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: do que esta última aplicação permitirá a desmaterialização da declaração aduaneira de importação. Troca de informação com outras entidades que participem na cadeia de informação tributária, através da implementação de processos de comunicação da DGITA e da CMVM que possibilitem, com base num único ponto de acesso, recepcionar a informação sobre fundos criados ou extintos; Capítulo 2 II. ECONOMIA PORTUGUESA: EVOLUÇÃO RECENTE PARA 2010 II.1. E PERSPECTIVAS Enquadramento Internacional Durante o ano de 2009, assistiu-se a uma recessão profunda da economia mundial, a mais significativa desde a crise de 1929, tendo atingido sobretudo a maioria das economias avançadas, as quais apresentaram uma quebra do PIB em cerca de 3,4% (+0,6% em 2008). As economias emergentes e em desenvolvimento também desaceleraram, embora a China e a Índia continuassem a apresentar taxas de crescimento económico elevadas. Para esta evolução contribuiu o alastramento da crise dos mercados financeiros internacionais à economia real, a quebra do sector da construção no segmento imobiliário nos EUA e em algumas economias europeias (Reino Unido, Espanha e Irlanda) e, no que diz respeito às economias emergentes, também, o efeito da redução do preço das matérias-primas (petróleo e não energéticas). O aumento da incerteza, a deterioração das perspectivas de crescimento e procura global e a verificação de condições mais restritivas na concessão do crédito, em virtude da distribuição assimétrica da liquidez e do aumento dos prémios de risco incorporados nas taxas de juro dos empréstimos, e a rápida deterioração do mercado de trabalho constituíram factores que favoreceram o enfraquecimento económico da generalidade dos países (Quadro II.1). Quadro II.1. PIB (Taxa de crescimento real, em %) Estrutura 2008* (%) Economia Mundial Economias avançadas 2009e 2008 2010P CE FMI OCDE CE FMI OCDE 100,0 3,1 -1,2 -1,1 : 3,1 3,1 : 55,1 0,6 : -3,4 : : 1,3 : das quais: EUA 20,8 0,4 -2,5 -2,7 -2,5 2,2 1,5 2,5 Área do Euro, da qual : 15,9 0,6 -4,0 -4,2 -4,0 0,7 0,3 0,9 Alemanha 4,4 1,3 -5,0 -5,3 -4,9 1,2 0,3 1,4 França 3,5 0,4 -2,2 -2,4 -2,3 1,2 0,9 1,4 Itália 2,8 -1,0 -4,7 -5,1 -4,8 0,7 0,2 1,1 Espanha 1,9 0,9 -3,7 -3,8 -3,6 -0,8 -0,7 -0,3 Reino Unido 3,2 0,6 -4,6 -4,4 -4,7 0,9 0,9 1,2 Jap...
View Full Document

This document was uploaded on 11/28/2013.

Ask a homework question - tutors are online