Agricultural research centre estados unidos ndia

Info iconThis preview shows page 1. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: gia.” 306 Entende-se que a Hipótese 3 não pode ser totalmente aceita, pelo fato de serem verificadas limitações no momento de enquadrar a classificação dos assuntos dos artigos à CIP e à decorrente necessidade de rearranjo das classificações das patentes. Na presente pesquisa considera-se a especificidade da classificação fator de grande importância, demasiadamente perdida no momento da análise integrada das produções. Por isto, a análise isolada (vertical) dos assuntos da Produção Científica e da Produção Tecnológica são consideradas alternativas indispensáveis para a compreensão dos assuntos e das relações entre a C&T. No entanto, a análise das relações entre os assuntos da Produção Científica e da Produção Tecnológica, em contextos específicos como é o caso da área de biodiesel, pode ser utilizada de maneira complementar, pois também traz à tona importantes indicadores de relação entre a C&T. Finalmente, os dados apresentados explicitam a necessidade de se direcionarem maiores esforços e investimentos em pesquisas que busquem compreender melhor as relações entre os assuntos dos documentos de patentes e artigos. Recentemente Moura (2009) propôs uma abordagem hibrida bastante interessante, considerando, simultaneamente, a coautoria e a coclassificação para mapear as relações entre artigos e patentes, identificando importantes correlações, avançando nos entendimentos entre a C&T. Investigando-se relações entre a Produção Científica e a Produção Tecnológica em biodiesel, quanto as suas matérias-primas, observa-se que 37% delas coincidem, portanto, coocorrem, em ambas as produções (Gráfico 29). A análise conjunta dos rankings de matérias-primas das distintas produções resulta em correlação positiva entre média e forte de 0,677. Quando se analisa o número de ocorrências de matérias-primas nos artigos e patentes (vezes que foi citada), observa-se que as que coocorrem em ambas as produções são muito mais expressivas quantitativamente do que aquelas que são citadas isoladamente em uma ou outra produção. As matérias-primas que coocorrem totalizam 38% do total de citações dos artigos e 96% das patentes (Gráfico 30). Essa análise conjunta da quantidade de matérias-primas e de suas ocorrências/citações nos artigos e patentes confere maior clareza e confiabilidade para se afirmar que existem relações entre a C&T no contexto das matérias-primas. A investigação das relações entre as matérias-primas identificadas na Produção Científica e Produção Tecnológica por países deu-se entre os que possuem importantes quantitativos de artigos e patentes. Analisando-se os 307 coeficientes de correlação (Tabela 32), é possível observar que a mesma é positiva fraca na maioria dos casos, sendo em alguns deles, praticamente, inexistente. Por outro lado, os casos dos Estados Unidos e do Japão se destacam pela diferença positiva que apresentam com relação aos demais países, contando com coeficientes de correlação, respectivamente, de 0,779 e 0,689. A análise de correlações das matérias-primas pelos países traz resultados intrigantes. Ao mesmo tempo em que, países como o...
View Full Document

This document was uploaded on 01/24/2014.

Ask a homework question - tutors are online