5800676

Info iconThis preview shows page 1. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: fica de áreas diferentes é, obviamente, diferente. Por exemplo, na área de Bioquímica o número médio de referências por artigo é três vezes maior do que na área de Matemática. Da mesma maneira Narin apud Strehl (2005) esclarece que as áreas de engenharia, tecnologia e matemática caracterizam-se por citar poucas referências por artigo e, em média, por receberem poucas citações (entre cinco e seis). 101 Psicologia e biologia compõem o segundo grupo, apresentando entre 8 e 10 referências e citações por publicação. O grupo seguinte é constituído de astronomia, geologia, física, química e medicina clínica. Todas caracterizadas por publicarem artigos com 12 a 15 referências e por receberem em média o mesmo número de citações. Finalmente, tem-se o campo da pesquisa biomédica com número superior de referências e citações: entre 18 e 20 por publicação. Os principais indicadores de periódicos baseados em estudos de citação gerados por algumas das bases de dados (como, por exemplo, as bases de dados Web of Science e SciELO) são o Fator de impacto (FI), o Índice de imediaticidade e a Meia-vida. O Fator de Impacto (FI) mede a frequência média com que um conjunto de artigos de uma revista é citado num determinado ano. O FI do Journal Citation Reports (JCR) é calculado dividindo o número de citações atuais de itens publicados nos dois últimos anos pelo número total de artigos e recensões publicados nos dois últimos anos. Além do FI, são publicados anualmente no JCR outros 2 indicadores, também relacionados com o FI, no entanto, menos difundidos: o índice de imediaticidade (immediacy index) e a meia-vida das citações (cited Half-Life). Esses índices medem, segundo Strehl (2005): a velocidade com que os novos conhecimentos são incorporados à literatura, medida pelo ISI por meio do índice de citação imediata e o ritmo de envelhecimento da literatura, representando a meia-vida das citações. O índice de citação imediata (immediacy index) corresponde ao número de vezes que um artigo corrente de um periódico específico é citado durante o ano em que foi publicado. Em outras palavras: O immediacy index representa “[...] a rapidez com que um trabalho é citado, sendo que, quanto menor o tempo transcorrido da publicação de um documento e sua citação em outros, maior será o seu valor”. (STREHL, 2005, p. 22). O índice de imediaticidade indica quantas vezes os artigos publicados numa revista de especialidade são citados no próprio ano de publicação. Esse índice é calculado dividindo-se o número de citações de artigos publicados num determinado ano pelo número total de artigos publicados nesse mesmo ano. Segundo Strehl (2005), o principal aspecto da obsolescência da literatura é a meia-vida das citações (Cited Half-Life). O termo “meia-vida das citações” teve 102 origem no conceito físico de meia-vida dos materiais. Em 1970, Brookes apud Strehl (2005), idealizou um método de medida da meia-vida dos periódicos científicos, que foi logo em seguida adotado sem qualquer ajuste pelo ISI, onde, a meia-vida é o tempo (em anos) para que 50% das citações recebidas por um periódico apareçam na literatura. Esses indicadores (sobretudo o FI) são também, utilizados por autores, para escolher os periódicos que podem acarretar maior prestígio ao seu trabalho, por bib...
View Full Document

This document was uploaded on 01/24/2014.

Ask a homework question - tutors are online