Os direcionadores de lucratividade competio atual e

Info iconThis preview shows page 1. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

Unformatted text preview: do lucro. O regime de competência acaba utilizado abstrações (depreciação, amortização, provisões). O cuidado que devemos ter quando olhamos o lucro da empresa é que o critério dessas abstrações pode ser mudado para manipular resultados. Depreciação é um processo de distribuição de custo do imobilizado. O custo do imobilizado deve ser distribuído no ciclo de vida do produto. Chapter 3: Análise Financeira Administradores podem aumentar ou diminuir o valor dos relatórios contábeis, isso porque existe naturalmente uma assimetria de informações (quem está fora da empresa conhece menos do que quem está dentro) . Há dificuldade por parte dos usuários externos identificarem e separarem informações verdadeiras das distorções, investidores tem uma avaliação imprecisa do desempenho da empresa. Intermediários financeiros e de informações podem adicionar valor através de um conhecimento melhor do desempenho atual da empresa e suas perspectivas futuras. Deve-se atentar para as forças externas, ambiente econômico e competitivo das empresas. Quando estamos fora das empresas, temos menos informações, mas conseguimos ser mais objetivos e críticos, visão mais ampla. Os intermediários estudam o ambiente econômico e competitivo das empresas. Na análise inicial, deve-se fazer uma análise das estratégias da empresa, análise contábil, análise financeira e análise prospectiva. A contabilidade é um livro de histórias. A função do administrador não é analisar o passado da empresa, mas deve-se olhar para o horizonte futuro. O passado também não vai condenar ninguém e tampouco vai ser garantia de sucesso futuro. Análise das estratégias: identificar principais direcionadores de resultados e riscos; estimar o potencial de resultado futuro; análise do setor de atuação da empresa e sua estratégia de manter vantagem competitiva sustentável. A empresa não ganha dinheiro sozinha, uma empresa sempre tem algum concorrente. Ganhar dinheiro sozinho muito tempo é um sonho. Para ter um desempenho futuro bom, deve ficar claro qual é a estratégia da empresa para mostrar como vai ser melhor que os concorrentes. Valor da empresa é função de sua capacidade de obter retorno superior ao seu custo de capital (retorno que credores e acionistas exigem). Custo de capital é determinado pelos mercados de capital (parte do custo é uma variável externa à empresa, existe o piso de taxa de juros já determinado pelo governo; assim o custo de capital é uma variável externa à empresa). Potencial de lucratividade é função das suas escolhas • ! 20! estratégicas (como a empresa vai sustentar esse custo de capital?). Análise de estratégia envolve análise setorial, estratégia competitiva e corporativa. Será que é possível esperar sempre um lucro, retorno do investimento, alto? O potencial de lucro de uma empresa é função dos setores em que ela atua. A intensidade da competição setorial determina o potencial de obtenção de resultados futuros acima da média do setor. Os direcionadores de lucratividade são analisados. Parte do retorno da empresa já é congênito. Será possível ganhar mais que o setor? Mas como ganhar mais que o setor? Exemplo Burger King e McDonald’s. O processo fundamental de ambos negócios é muito semelhante (operações, cadeia de fornecimento, etc.), mas uma empresa pode ganhar mais que o concorrente ao fazer algo diferente. Como a empresa pode conseguir ficar acima do setor? Estar sempre na frente. Os direcionadores de lucratividade competição atual e potencial são: concorrência entre empresas atuais, ameaça de novos concorrentes, ameaça de produtos substitutos, poder de barganha dos clientes e consumidor, poder de barganha dos consumidores e barreiras à entrada/saída (quanto maior a barreira de entrada, menos concorrentes a empresa terá). O retorno de um negócio já é pré-determinado. Lucratividade de uma empresa não é função somente do setor de atuação, mas também de escolhas estratégicas que a colocam em uma posição mais competitiva na indústria. Existe a estratégia competitiva de liderança em custos e diferenciação. A empresa precisa estar apta a implementar e sustentar a estratégia. Singularidade de uma empresa no seu core, sua cadeia de valor e dificuldades dos concorrentes em imitá-la determina a sustentabilidade de uma vantagem competitiva. A decisão de investir em uma empresa não deve ser baseada somente em lucros, mas no ambiente e nas perspectivas futuras. • Análise contábil: Objetivo é avaliar o grau em que a contabilidade reflete a realidade dos negócios da empresa. Padronização (facilita a comparação, mas muitas vezes impede que a contabilidade reflita a dinâmica, as características da empresa), flexibilidade, tendências. • Análise financeira: Utilizar as demonstrações financeiras para avaliar o desempenho passado de uma empresa e sua sustentabilidade, é sistemática e eficiente. Deve-se ter uma base passada para procurar as tendências do futu...
View Full Document

Ask a homework question - tutors are online