Se a equação química apresenta até quatro

This preview shows page 25 - 27 out of 110 pages.

Se a equação química apresenta até quatro substâncias cujas moléculas não são complicadas, use o Método das Tentativas. Lembre-se que quanto mais treinado, melhor seu tempo. Numa prova, dificilmente se utilizaria o método algébrico, o qual, não obstante a simplicidade exige tempo. 3.6 Cálculos Estequiométricos Os dados do problema podem vir expressos das mais diversas maneiras: quantidade de matéria (mol), massa, número de moléculas, volume, etc. Em todos esses tipos de cálculo estequiométrico vai nos basear nos coeficientes da equação que, como vimos, dão a proporção em mols dos componentes da reação. Para resolver qualquer tipo de cálculo estequiométrico devemos seguir algumas regras: 1ª regra:Escreva corretamente a equação química mencionada no problema (caso ela não tenha sido fornecida). 2ª regra:As reações devem ser balanceadas corretamente (tentativa ou oxirredução), lembrando que os coeficientes indicam as proporções em mols dos reagentes e produtos. 3ª regra:Caso o problema envolva pureza de reagentes, fazer a correção dos valores, trabalhando somente com a parte pura que efetivamente irá reagir. 4ª regra:Caso o problema envolva reagentes em excesso e isso percebemos quando são citados dados relativos a mais de um reagente devemos verificar qual deles está correto. O outro, que está em excesso, deve ser descartado para efeito de cálculos. 5ª regra:Relacione, por meio de uma regra de três, os dados e a pergunta do problema, escrevendo corretamente as informações em massa, volume, mols, moléculas, átomos, etc. Lembre-se de que não podemos esquecer a relação: 1 mol = (x) g = 2,4 L (CNTP) = 6,02. 10²³ 6ª regra:Se o problema citar o rendimento da reação, devemos proceder à correção dos valores obtidos. Tipos de Cálculos Estequiométricos: Cálculos envolvendo volumes de substâncias gasosas: Quando não estamos trabalhando com substâncias gasosas normalmente utilizamos as relações de massas, nº de mols de moléculas, nº de mols de átomos e ainda nº de moléculas
26 e de átomos. Todos eles se aplicam a qualquer reação química, independente do estado de agregação (sólido, líquido ou gás) da substância. No caso de substâncias gasosas é possível ainda estabelecer relações entre volumes, tanto para reagentes como entre eles e os produtos da reação. O raciocínio é bastante simples e envolve a Lei de Avogadro: "O volume ocupado por um gás, sob pressão e temperatura constantes, é Diretamente proporcional ao seu nº de moléculas”.Matematicamente teríamos: V = K x N para P e T constantesComo o nº de moléculas é, por sua vez, diretamente proporcional ao nº de mols do gás, tem-se: N = k' . n. Desse modo teremos: V = K’ . nEssa constante k' é dada por: RxT/P onde T e P são, respectivamente, a temperatura ea pressão do gás, e R é a constante universal dosgases.

  • Left Quote Icon

    Student Picture

  • Left Quote Icon

    Student Picture

  • Left Quote Icon

    Student Picture