DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2 de valor Consistência ou uniformidade

Departamento de ciências contábeis 2 de valor

This preview shows page 2 - 4 out of 5 pages.

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2 de valor; Consistência ou uniformidade; Conservadorismo ou prudência; Materialidade ou relevância 3.2 Custeio por Absorção x Custeio Variável 3.3 A prática de custos e despesas e entendimento diversos de gastos na produção 4. Classificações de custos e Nomenclaturas 4.1 Classificação dos custos: diretos e indiretos; fixos e variáveis; primários e de transformação. 4.2 Nomenclaturas de custos: custo de produção do período - CPP; custo de produção acabada CPA; custo dos produtos vendidos – CPV e relações com base no custeio variável e variações dos estoques 5. Esquema básico da contabilidade de custos (I) 5.1 Separação entre custos e despesas; Apropriação dos custos diretos; Apropriação dos custos indiretos; esquema básico e contabilização dos custos. 6. Departamentalização e Centro de Custos 6.1Por que departamentalizar, o que é departamento e como se classifica; Departamento e centro de custos; Custos dos departamentos de serviços; Custos dos departamentos de produção; 6.2 Esquema completo da contabilidade de custos e contabilização dos custos indiretos de produção. 7. Custos Indiretos de Fabricação -CIF e critérios de rateio 7.1 Análise dos critérios de rateio - custos comuns; Rateio dos custos dos departamentos; Influência dos custos fixos e dos custos variáveis; e importância da consistência nos critérios. 8. Custeio Baseado em Atividades ( Activity-Based Costing – ABC) Importância, conceitos e aplicações. 9. Aplicação de custos indiretos de produção Previsão da taxa de aplicação dos custos indiretos de produção (CIP) Variação entre CIPs aplicados e reais 10.Materiais Diretos - MD 9.1O que integra os materiais diretos e seus critérios de avaliação (PEPS, UEPS e CMP) 9.2 Tratamento contábil das perdas, subprodutos e sucatas 11.Mão de obra direta - MOD 10.1 Separação entre mão de obra direta e indireta 10.2 O que integra o custo da mão de obra direta. 10.3 Outros Gastos da Mão de Obra e Tempo não produtivo (Ociosidade) 12.Sistema de Acumulação de Custos: produção por ordem e produção contínua 11.1 Distinção entre produção por ordem e produção contínua; e Diferenças no tratamento contábil.
Image of page 2

Subscribe to view the full document.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPIRITO SANTO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E ECONÔMICAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 3 4. Metodologia Aulas expositivas dialogadas; Exercícios e casos práticos dirigidos para soluções individuais e em grupos; Estudos dirigidos e aprofundamento de leitura.
Image of page 3
Image of page 4
  • Winter '17
  • Oyuntsetseg
  • São Paulo, Custo, Contabilidade, CONTABILIDADE DE CUSTOS, Universidade Federal do Espírito Santo

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern

Ask Expert Tutors You can ask 0 bonus questions You can ask 0 questions (0 expire soon) You can ask 0 questions (will expire )
Answers in as fast as 15 minutes