Uma resposta simples para uma pergunta simples minha

Info icon This preview shows pages 199–201. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
Uma resposta simples para uma pergunta simples: minha própria ascensão avia iniciado. Entendi o que estava acontecendo com base nos sintomas de Yoona~939. Já antevejo sua próxima pergunta, Arquivista: você quer que eu explique como é essa experiência. Prossiga. Primeiro, uma voz começou a falar dentro da minha cabeça. Fiquei muito assustada, até que me dei conta de que ninguém mais a ouvia; a voz da consciência. A ascensão era uma experiência apavorante, especialmente depois do que avia acontecido com Yoona~939. Por toda a Nea So Copros, os puros- sangues estavam examinando o comportamento dos fabricantes, tentando encontrar sinais de inteligência indevida e denunciando-os para serem reorientados, centenas de denúncias por semana. Segundo, minha linguagem evoluiu, tal como avia acontecido com Yoona~939. Quando eu queria dizer “bom”, minha boca enunciava favorável, agradável ou correto . Aprendi a revisar e modificar cada palavra que utilizava. Terceiro, minha curiosidade a respeito do Lá-Fora aumentou. Eu ficava bisbilhotando os sonys dos alimentantes, as conversas deles, os AdVs, os boletins
Image of page 199

Info icon This preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full Document Right Arrow Icon
meteorológicos, os discursos dos Presidentes dos Conselhos. Quarto, sofri um isolamento: as outras servidoras me evitavam, tal como aviam feito com Yoona~939 — as irmãs percebem, embora não saibam que sabem; a monotonia desacelerava o tempo; passei a odiar as ondas de consumidores vomitadas pela boca do elevador; as dúvidas de Yoona sobre nosso mundo me obcecavam, incessantemente. E se Papa Song não fosse nosso pai, e sim um AdV? Que inveja eu sentia de minhas irmãs que nada criticavam e nunca se preocupavam! Eu não ousava falar sobre minha metamorfose com nenhuma delas. Você sabia o que não devia fazer. O que pretendia fazer? O que fazer, senão esperar e suportar? Duas ascensões, lado a lado, apontavam para um programa com um objetivo. Eu tinha de evitar a reorientação, ou um destino como o de Yoona~939, para descobrir qual seria esse objetivo. Assim, passei a examinar as outras fabricantes a fim de imitar desesperadamente seu ar neutro. Eu obedecia a todos os Catecismos, principalmente quando o Vedor Rhee estava presente. Não era fácil. O medo endurece a cautela, mas o tédio a enfraquece. Eu não ousava visitar a sala secreta de Yoona, porque ela não era um segredo, e sim uma armadilha. E por quanto tempo você teve de suportar sua ascensão secreta? No Quarto Mês, Última Semana, Nona Noite, acordei durante o recolher. Não ousei sair de nossa dormidoria para passar o tempo. Tudo o que me restava a fazer era aguardar o amarelar ou então voltar a dormir. Porém ouvi, vindo da cúpula, um som fraco, mas nítido: vidro quebrando. Esforcei-me para ouvir mais: nada. Minhas irmãs dormiam em seus catres. Quem mais estaria na cúpula?
Image of page 200
Image of page 201
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern