589 em que a é a perda média anual de solo tha 1

Info icon This preview shows pages 619–620. Sign up to view the full content.

Produção de carta geotécnica preliminar de capacidade de infiltração de água no solo em uma área do entorno... 589 em que: A é a perda média anual de solo (t.ha -1 /ano); R é o fator de erosividade da chuva (MJ. mm) (ha.h) -1 ; K é o fator de erodibilidade do solo, em (t.ha.h/ha.MJ.mm); LS é o fator topo- gráfico (adimensional), sendo L o comprimento de rampa e S a declividade; C é o fator de uso/ manejo do solo (adimensional); e P é o fator de práticas conservacionistas (adimensional). É possível admitir preliminarmente que a capacidade de infiltração da água no solo apresente uma relação inversa ao potencial de perda de solo por erosão laminar. Seus fatores, como os valores elevados de erosividade da chuva, pressupõem altos valores de escoamento superficial e, consequentemente, baixa infiltração. Uma alta erodibilidade de solo pressupõe uma elevada quantidade de areia e silte nos solos, que a princípio favorecem a infiltração da água no solo; um fator de relevo elevado pressupõe alto escoamento superficial e baixa capa- cidade de infiltração de água no solo. Baixos valores dos fatores C e P possuem relação direta com a baixa capacidade de infiltração de água no solo, pois se caracteriza por uso intenso do solo por práticas de agricultura mecanizada e de pecuária acompanhada por ações de des- matamento para remoção da cobertura vegetal de cerrado existente na área de estudo. Cabe destacar que, no caso dos solos tropicais profundamente intemperizados, como é o caso dos latossolos, a classificação textural quanto à erodibilidade deve levar em conta o solo no estado natural, ou seja, não deve se fundamentar em ensaios laboratoriais que façam uso de agentes desagregadores, sejam eles químicos ou mecânicos. Isso é importante, pois vários desses solos minerais e desagregados são predominantemente argilosos, mas quando no estado natural formam agregados dos tamanhos silte e areia, comportando-se como tais frente à infiltração. Assim, ao se determinarem os fatores relacionados da Equação Universal de Perda de Solo (EUPS), simulados em ambiente computacional, por álgebra de mapas, em uma relação inversa da Equação 1, pode-se obter, então, uma carta geotécnica preliminar que represente a capacidade de infiltração da água no solo, cujos fatores organizados em mapas temáticos são descritos a seguir. a) Produção do mapa de erosividade e infiltrabilidade da chuva (fator R): Para a etapa de caracterização fisiográfica da área de estudo, quanto à precipitação, fo- ram considerados os dados das estações pluviométricas para um período, em média, de 35 anos. No método de ponderação regional, cada uma das falhas nos dados de um ou mais postos foram preenchidas utilizando-se a Equação 2: y c = y m + + + + … 1 x 1 x 2 x 1 x n n x m 1 x m 2 x m 3 x mn (2) em que: y c é o valor de precipitação a ser estimada para o posto; x 1 a x n são os valores de precipitações mensais (ou anuais) dos n postos circunvizinhos; y m é o valor de precipitação média mensal (ou anual) do posto com falha de dados; x m1 a x mn são os valores de precipita- ções médias mensais dos n postos circunvizinhos. A determinação do valor médio do índice
Image of page 619

Info icon This preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

Image of page 620
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern