O telefone toca quatro vezes é um aviso de que luisa

Info icon This preview shows pages 140–143. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
O telefone toca quatro vezes: é um aviso de que Luisa Rey está no saguão, esperando o elevador. Li certifica-se de que nada está fora do lugar e sai, descendo as escadas e chegando ao saguão. Dez minutos depois ela liga para Luisa da recepção. “Oi, Luisa, é a Fay. Você chegou há muito tempo?” “Não, só o tempo de tomar uma chuveirada rápida.” “A tarde foi produtiva, foi?” “Muito produtiva. Estou com material o bastante pra dois ou três artigos.” “Que ótimo. Escuta, se você não tiver nenhum outro programa, que tal jantar no clube de golfe? Lagosta melhor que a de Swannekke ainda não inventaram.” “Sério?” “Se você duvida, é só provar.”
Image of page 140

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full Document Right Arrow Icon
35 Escombros de crustáceos formam uma pilha elevada. Luisa e Fay Li molham os dedos em tigelas com água e limão, e a sobrancelha de Li dá ordem ao garçom de retirar os pratos. “Que bagunça que eu fiz.” Luisa larga na mesa o guardanapo. “Eu sou a aluna sem modos da turma, Fay. Você devia abrir uma escola pra moças na Suíça.” “Não é assim que as pessoas costumam me ver na Seabord Village. Alguém já lhe contou qual é meu apelido? Não? É ‘sr. Li’.” Luisa não entende bem qual é a reação esperada. “Um pouco de contexto ajuda.” “Na minha primeira semana no emprego, eu estou na cantina, preparando um café. Chega um engenheiro e me diz que está com um problema mecânico e pergunta se eu posso ajudar. Os amigos dele estão rindo baixinho ao fundo. Eu digo: ‘Acho difícil’. O cara diz: ‘Claro que pode’. Ele quer uma ajuda pra trocar o óleo.” “Quantos anos tinha esse engenheiro? Treze?” “Quarenta, casado, dois filhos. A essa altura, os amigos dele já estão caindo na gargalhada. O que é que você faria? Se dá uma resposta agressiva e espirituosa, ele percebe que você se irritou. Dá um tapa nele e é rotulada de histérica. Além disso, os homens desse tipo gostam de levar tapa. Você não faz nada? Quer dizer que qualquer homem no seu trabalho pode sacanear você desse jeito que fica por isso mesmo?” “Dar uma queixa oficial?” “E provar que, quando a barra pesa, mulher sempre recorre às autoridades?” “Então o que foi que você fez?” “Transferi o sujeito pra nossa unidade no Kansas. Lá em deus-me-livre, em pleno inverno. Tive pena da mulher dele, mas quem mandou casar com o cara? A notícia se espalha, aí eu ganho o apelido de ‘sr. Li’. Uma mulher de verdade não ia fazer uma maldade tão grande com o pobre coitado, não; uma mulher de verdade tomaria aquilo como um elogio.” Fay Li alisa as rugas da toalha da mesa. “Você enfrenta esse tipo de coisa no seu trabalho?” Luisa pensa em Nussbaum e Jakes. “O tempo todo.” “Quem sabe nossas filhas vão viver num mundo de liberação — mas nós?
Image of page 141
Pode esquecer. Temos que nos virar, Luisa. Os homens é que não vão nos ajudar, não.” A jornalista percebe certa mudança de planos.
Image of page 142

Info iconThis preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full Document Right Arrow Icon
Image of page 143
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern