A razão entre a distância percorrida pelo composto

This preview shows page 80 - 82 out of 110 pages.

A razão entre a distância percorrida pelo composto (da origem ao centro da mancha) e a distância percorrida pelo solvente é constante e denotado por Rf, ou seja, ?𝑓= 𝐶/?Onde: C = distância percorrida pelo composto, da origem ao centro da mancha. S = distância percorrida pelo solvente da origem a linha superior (linha do solvente). Rf = razão de frente do solvente/ fator de retardamento (valor característico de uma determinada substância). 4. Pré-laboratório 1. Apresente uma escala de polaridade de solventes, iniciando com água (mais polar) e finalizando com tetracloreto de carbono (menos polar). 2. Quais os fatores envolvidos na separação de uma mistura de compostos por cromatografia? 3. Em relação às tintas de caneta hidrocor marque a opção a abaixo que expressa a sua hipótese em relação à sua constituição: a) ( ) a tinta de canetas hidrocor é formada por apenas um composto químico. b) ( ) a tinta de caneta hidrocor é formada pela mistura de diferentes compostos. c) ( ) Outra: 4. Por que se utiliza lápis grafite (e não caneta) para marcar no papel?
5. O que significa capilaridade? 6. Qual a composição química do papel? Cite exemplos. Como ele é fabricado? 7. Seria possível separar uma mistura de íons metálicos em solução pela técnica da cromatografia em papel? 5. Procedimentos experimentais 5.1. Utilização da tinta de caneta hidrocor - Utilizando uma régua, trace uma linha reta com um lápis a 1,5 cm das extremidades do papel filtro. Marque, em uma das extremidades, seis pontos eqüidistantes com um lápis ao longo da reta, numerando-os de 1 a 6. Para esta etapa utilize um papel filtro retangular com 9,5 x 17 cm de dimensões. - Faça pequenos pontos com cada uma das canetas seguindo uma ordem de cores (vermelho, azul, amarelo, verde, marrom e preto). - Enrole o papel na forma de um cilindro e coloque grampos para manter a forma de cilindro (Figura 1). Obs.: deixe um pequeno espaço (± 1mm) entre as duas extremidades de forma a não se tocarem. - Coloque esse cilindro de papel no béquer contendo a mistura de solventes na proporção 1:1:1 de etanol/1-butanol/amônia 2 mol L1(esta será a fase móvel utilizada neste experimento). - Cubra o béquer com um plástico e amarre com uma liga de borracha, para evitar a evaporação da mistura de solventes. Alternativamente pode-se utilizar uma placa de Petry ou um vidro de relógio para cobrir o béquer. - Quando a linha do solvente atingir a marca superior no papel remova-o do béquer. - Remova os grampos e deixe-o secar naturalmente. - Depois de seco faça um círculo com um lápis ao redor de cada mancha e calcule todos os valores de Rf. 5.2. Utilização de cátions em solução - Utilizando um papel filtro retangular com 7,5 x 14 cm de dimensões, e após marcar com um lápis uma linha para as duas extremidades, faça pequenos pontos com as soluções dos íons metálicos na sequencia (Fe+3, Cu+2, Co+2, Mn2+.....e com a solução desconhecida, usando um tubo capilar (um capilar para cada solução).

  • Left Quote Icon

    Student Picture

  • Left Quote Icon

    Student Picture

  • Left Quote Icon

    Student Picture