Quando saiu do hospital oito meses depois j? havia

Info icon This preview shows pages 83–86. Sign up to view the full content.

View Full Document Right Arrow Icon
Quando saiu do hospital oito meses depois, já havia concluído um curso de jornalismo por correspondência.” “Meu Deus”, exclama Sixsmith. “O que aconteceu depois o senhor já deve saber. Ele cobriu a guerra da Coreia pro Illustrated Planet , depois se tornou correspondente na América Latina pro West Coast Herald . Foi ao Vietnã cobrir a batalha de Ap Bac e ficou em Saigon até ter a primeira crise, em março. Foi um milagre o casamento dos meus pais durar tanto tempo — sabe, o maior período que eu passei em companhia dele foi de abril a julho, este ano, no hospital.” Luisa se cala. “Eu sinto muita falta dele, Rufus, uma coisa crônica. A toda hora esqueço que ele morreu. Fico achando que está a serviço em algum lugar, e que um dia desses vai voltar.” “Ele devia ter orgulho de ver que você seguiu os passos dele.” “Ah, Luisa Rey não é nenhum Lester Rey. Desperdicei anos bancando a rebelde e liberada, brincando de ser poeta e trabalhando numa livraria na rua Engels. Não convenci ninguém, minha poesia era ‘tão vazia que nem chega a ser
Image of page 83

Info icon This preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full Document Right Arrow Icon
ruim’ — palavras do Lawrence Ferlinghetti — e a livraria foi à falência. Assim, eu continuo sendo só colunista social.” Luisa esfrega os olhos cansados, pensando na última fala de Richard Ganga. “Não faço nenhuma reportagem de guerra que ganhe prêmio. Fui pra Spyglass cheia de esperanças, mas até agora as fofocas maliciosas sobre festas badaladas são o mais perto que eu já cheguei da profissão do meu pai.” “Ah, mas são fofocas maliciosas bem escritas?” “Ah, são fofocas maliciosas muito bem escritas.” “Então é muito cedo para lamentar que desperdiçou sua vida. Me desculpe por exibir minha experiência, mas você não faz ideia do que significa desperdiçar uma vida.”
Image of page 84
5 “O Hitchcock adora aparecer”, diz Luisa, a pressão em sua bexiga já se tornando incômoda, “mas detesta dar entrevista. Ele não respondeu as minhas perguntas porque nem ouviu direito o que eu perguntei. Segundo ele, seus melhores filmes são montanhas-russas que quase matam de medo quem anda nelas, mas no final todo mundo sai rindo e querendo andar de novo. Eu disse ao grande homem: a chave da ficção de terror é uma divisão, uma separação; desde que o Bates Motel esteja isolado do nosso mundo, a gente tem vontade de olhar lá dentro, como quem olha pra dentro de uma jaula de escorpiões. Mas se um filme mostra que o mundo é um Bates Motel, bom, aí… estamos em Buchloe, é distopia, depressão. A gente até molha os dedos dos pés num universo predatório, sem moral e sem Deus — mas só os dedos dos pés. A resposta do Hitchcock foi” — Luisa faz uma imitação bem boa — “‘Eu sou um diretor de Hollywood, minha jovem, e não o oráculo de Tebas’. Perguntei por que Buenas Yerbas nunca havia aparecido em seus filmes. Ele respondeu: ‘Essa cidade tem o pior de San Francisco e o pior de Los Angeles. Buenas Yerbas é um autêntico não lugar’. Ele soltava tiradas espirituosas desse tipo, se dirigindo não à pessoa que
Image of page 85

Info icon This preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

View Full Document Right Arrow Icon
Image of page 86
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern