Goose observou meus olhos para ver se eu ainda estava

Info icon This preview shows pages 479–481. Sign up to view the full content.

Goose observou meus olhos para ver se eu ainda estava consciente e beijou meus lábios. “É a sua vez de ser comido, meu caro Adam. Você não era mais crédulo do que nenhum dos meus outros clientes.” A tampa de meu baú abriu-se. Goose contou o dinheiro em minha carteira, sorriu de escárnio, encontrou a esmeralda de Von Weiss e examinou-a através de uma lupa. Não ficou muito impressionado. O demônio desamarrou os pacotes de documentos relativos ao espólio de Busby e abriu os envelopes selados em busca de cédulas de dinheiro. Ouvi-o contar minha modesta fortuna. Deu tapas ao longo do baú para ver se havia nela compartimento secretos, porém nenhum encontrou, pois que não há nenhum. Por fim, cortou fora os botões de meu colete. Goose continuou a falar-me enquanto eu delirava, como quem se dirige a uma ferramenta não muito boa. “Francamente, estou decepcionado. Já conheci estivadores irlandeses com mais dinheiro. O que você tem mal cobre meus gastos com arsênico e opiáceos. Se a sra. Horrox não tivesse doado suas pérolas negras à minha nobre causa, bem, eu estaria frito! Mas é hora de nos despedirmos. Você morre dentro de uma hora, enquanto eu, ah, tenho uma longa estrada pela frente.” Minha próxima lembrança é de estar a afogar-me em água salgada que brilhava a ponto de doer-me nos olhos. Teria Boerhaave encontrado meu corpo e me jogado no mar para certificar-se de meu silêncio e evitar procedimentos trabalhosos junto ao cônsul americano? Minha mente continuava ativa, e assim talvez pudesse ainda exercer alguma influência sobre meu destino. Resignar-me a morrer afogado ou tentar nadar? A primeira opção era de longe a menos trabalhosa, por isso fiquei a procurar um pensamento para ter em mente ao morrer e escolhi Tilda, no bota-fora do Belle-Hoxie no cais de Silvaplana tantos meses atrás, e Jackson gritando: “Papai! Traga para mim uma pata de canguru!”. A ideia de jamais voltar a vê-los era tão angustiante que resolvi nadar, e dei por mim não no mar, e sim enroscado no tombadilho, vomitando abundantemente e tremendo de febre, dores, cãibras. Autua me segurava (ele me obrigara a engolir um balde cheio de água do mar para que eu eliminasse o veneno). Eu vomitava, vomitava. Boerhaave abriu caminho entre a multidão de
Image of page 479

Info icon This preview has intentionally blurred sections. Sign up to view the full version.

estivadores e marinheiros, rosnando: “Eu já te disse, negro duma figa, que esse ianque não é problema seu! E, se uma ordem direta não o convence…”. Embora o sol quase me cegasse, vi o imediato dar um pontapé brutal nas costelas de Autua e preparar-se para desferir outro. Autua agarrou a canela do holandês iracundo com uma mão firme enquanto delicadamente baixava minha cabeça até encostá-la no tombadilho, e depois aprumou-se, levantando a perna de seu agressor e desse modo o desequilibrando. Boerhaave caiu de cabeça, urrando como um leão. Autua em seguida agarrou-lhe o outro pé e jogou nosso imediato por cima da murada como se fora um saco de repolho.
Image of page 480
Image of page 481
This is the end of the preview. Sign up to access the rest of the document.
  • Spring '09
  • SteveWard

{[ snackBarMessage ]}

What students are saying

  • Left Quote Icon

    As a current student on this bumpy collegiate pathway, I stumbled upon Course Hero, where I can find study resources for nearly all my courses, get online help from tutors 24/7, and even share my old projects, papers, and lecture notes with other students.

    Student Picture

    Kiran Temple University Fox School of Business ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    I cannot even describe how much Course Hero helped me this summer. It’s truly become something I can always rely on and help me. In the end, I was not only able to survive summer classes, but I was able to thrive thanks to Course Hero.

    Student Picture

    Dana University of Pennsylvania ‘17, Course Hero Intern

  • Left Quote Icon

    The ability to access any university’s resources through Course Hero proved invaluable in my case. I was behind on Tulane coursework and actually used UCLA’s materials to help me move forward and get everything together on time.

    Student Picture

    Jill Tulane University ‘16, Course Hero Intern